domingo, 14 de setembro de 2008

Salada

Huummmm. Essa é a melhor salada que eu já comi na vida.”

Eles me olharam em silêncio e começaram a gargalhar.

Que foi? Qual a graça?”

Você é muito empolgada, Ju.

Ri junto, de boca cheia, saboreando aquela salada deliciosa e pensando: Sou. Sou mesmo. A empolgada. Que bom.

Sempre fui, gente. Desde toquinho me empolgo com quase tudo, pequeno ou grande, previsto ou inesperado, duradouro ou passageiro. Se é bom, se me interessa e me faz feliz, estou eu lá, dizendo uhuuuu. Na escola eu curtia as gincanas e as festas como ninguém. Até celebração do dia de Dom Bosco era motivo para sair de casa saltitando e cantando, toda entusiasmada.

Tão gostoso esse motorzinho no peito te tirando da cama de manhã e te dizendo Vai brincar, menina! Olha o que o dia te reserva!

Eu tenho cá pra mim que só pode ser esse o tão falado e já mundialmente clichê, segredo da felicidade. Curtir com gosto, de coração e com olhos e ouvidos de criança todos os agrados que a vida te entrega, sejam eles uma nova paixão, um bilhete premiado da Mega Sena ou uma salada deliciosa.

Falando nisso, e como eu tinha prometido mesmo um post sobre salada, deixa eu registrar aqui a receita da famosa: camarões médios grelhados no alho, alface picada, guacamole, pedaços de manga, pepino japonês cortado bem fininho, fatias de tomate e crosta de parmesão para dar o toque final. Boa demais. Façam, provem e me convidem para comer junto. Vou ficar super empolgada.

Um comentário:

POR TUDO QUE SINTO disse...

Acho que é isso aí...
É essa mesmo a receita!
Algumas coisas podem estar faltando, mas não na salada. A salada tá 100%!!

Bjs