sábado, 19 de dezembro de 2009

Campinas

Cidade estranha essa minha. Cidade sei lá.

As coisas funcionam assim: você investe, cria, constrói, trabalha pacas, emprega uma galera, sustenta 20 famílias com registro, 13º, cesta básica, tudo certinho, compra com nota, paga imposto, tira laudo de bombeiro, laudo de vigilância, laudo de acústica, laudo de estabilidade, atende a todas as quatrocentasenoventaetrêsmil exigências dos manuais X, Y e W, respeita a vizinhança, encerra a música às 22h, trata bem cliente, fornecedor, funcionário e quem mais aparecer, leva o negócio a sério, presta um serviço de qualidade e faz de tudo nessa vida durante anos para conseguir trabalhar em paz. Consegue?

Necas. É fiscal de todo lado te tratando feito marginal.

- Mas Ju, não faz sentido...

Pois é, não faz sentido mesmo. Lugarzinho esquisito.

Ao invés de incentivar o empreendedor, de ajudar o maluco que peitou abrir um negócio a essa altura do campeonato, os caras das canetas resolvem dificultar a vida da galera ao máximo. Ê esperteza.

Acontece que um dia o maluco que peitou abrir um negócio cansa de ser feito de idiota, tranca as portas, põe todo o mundo na rua, pára de sustentar 20 famílias, de pagar imposto, de comprar produto, de prestar serviço e se manda para a Austrália para tirar foto de canguru.

E aí? Alguém ganha alguma coisa com isso?

Só o canguru.

Tudo errado, minha gente. Tudo errado. Se eu for uma besta me corrige, mas os caras que a gente elege e paga uma grana preta todo mês não tão aí para garantir o funcionamento da sociedade, para promover o bem comum e para tentar fazer dessa nossa vidinha aglomerada uma coisa boa, digna, aceitável?

Ah, tá.

[cara de ué]

Alguma coisa deve então ter dado muito errado por aqui.

9 comentários:

Anônimo disse...

Acho que você deve parar com as drogas!!! rss

Candy Girl disse...

é o fim mesmo minha amiga... com tanta gente fazendo merda por aí eles vão encher o saco de quem trabalha direito... êh lugarzinho viu!

bjos

Dudu disse...

Juhi Campinas tá perdida mesmo...É que os fiscais estão querendo mostrar serviço nesse tal de projeto tolerância zero, ou seja, aparecer. Seria ótimo o "serviço" ser mostrado através de combate a violência, fome, crianças na rua, entre outras barbaridades que vemos nesta cidade. Don't worry, seu público é muito forte, eu que sei com meus amigos da facul..rs Bjos Dudu

Anônimo disse...

Lendo seus textos é fácil perceber o fato de que algo em sua vida está fora do lugar. Caminhos são traçados e se não o percorremos acontecem coisas assim sem explicação.
Medite e veja o que está errado, acerte os ponteiros e seja feliz!
Procure a resposta, um guia espiritual, coloque as coisas nos eixos em que deveriam estar. Ser feliz só depende de você!

Anônimo disse...

I'm on your side when times get rough..
Like a bridge over troubled water.

Lori disse...

"Cangurus na Australia" prova como vc consegue ter classe e bom humor quando outros falariam em morte, vodu, macumba ou ao menos palavrões, sem perder a razão.

Mortos? disse...

sem comentários.
bora pro riou.

Anônimo disse...

:) brilhante!!!

Senhorita L. disse...

Você sumiu!